Produção original da Netflix, The OA chegou sem muito alarde. O primeiro trailer e a data de estreia foram divulgados no dia 12 de dezembro de 2016, e a série ficou disponível quatro dias depois. Até então muito pouco se sabia sobre The OA e a maioria dos materiais de divulgação só saiu depois da estreia.

Falha no planejamento? Pelo contrário, tal discrição fazia parte da sutileza da série e deixava  muito claro que era preciso embarcar rumo ao desconhecido, sabendo o mínimo possível do que viria pela frente, mas preparado para acreditar.

Com uma belíssima e delicada fotografia, The OA mistura elementos de ficção científica, suspense e drama para tratar de temas como a morte e os mistérios do infinito, os limites da ética científica, o conhecimento e o poder do corpo e as relações pessoais na luta pela sobrevivência.

Estrelada por Brit Marling – que também é uma das criadoras e roteiristas – The OA gira em torno da doce e estranha Prairie Johnson, uma jovem cega que passou sete anos desaparecida e voltou enxergando.

Com um elenco que conta com nomes como Jason Isaacs (sim, o Lucio Malfoy de Harry Potter), e os veteranos  Scott Wilson e Alice Krige, a série trabalha questões como as EQMs (experiências de quase morte) e suas consequências e possibilidades.

Mas acima de tudo, The OA é sobre a arte e o poder de contar histórias. Sobre como esses relatos impactam seus ouvintes. Sobre como somos tocados e moldados a partir do momento em que escolhemos acreditar. E sobre como histórias impulsionam decisões -certas ou não -, afinal, “Existir, implica tomar decisões injustas”.

O resultado é uma produção estranha e diferente, com um ritmo narrativo específico que ao mesmo tempo em que encanta, também exige determinado esforço e pode cansar muita gente. The OA claramente não foi feita para agradar a todos.

Mas se em algum momento a série te tocar por seu fascínio misterioso, siga em frente. Sinta o seu toque e deixe-se levar pela história da encantadora Prairie. O destino pode conter universos inteiros, dimensões e possibilidades para aqueles que decidiram acreditar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s